Quinta-feira, 23 de Julho de 2009

Quando eu andava na escola os mais sacrificados eram os mais feiinhos, os mais gordinhos, os melhores alunos... Pelo menos até a 4a classe que foi até a altura que fui massacrada por usar oculos. So quando fui para a "escola grande", para o quinto ano e me peguei a porrada com tudo quanto eram miudas mais velhas  é que ganhei respeito, ou me ganharam medo, ou sei la... a violencia nao devia funcionar, mas devo dizer que foram as muitas vezes que andei a porrada, que me protegeram das raparigas dos bairros, que andavam sempre de facas e tesouras em punho prontas a bater em quem nao era dos bairros.

Mas disse até a quarta, porque antes disso, tinha eu seis ou sete anos, e usava oculos. Um rapaz da minha turma (com 14 anos, note-se!) passava a vida a chamar-me "caixa de oculos" e massacrava-me. Eu nunca contei nada em casa. Até ao dia em que cheguei toda rota. Tinha levado uma tareia no patio da escola. Ele e os primos bateram-me. Eu com seis anitos e ele com 14. Eu pequenina, ele enorme. Levei porrada negra nesse dia, mas deixei de ter medo. Depois disso o meu pai foi la a escola e assustou-o tanto que o rapaz se mijou todinho... mesmo... desde entao passou a ser o meu guarda-costas. Mas primeiro foi preciso molhar-me a sopa...e que bem que molhou...

Mas avante... ao que quero chegar é: antigamente também se gozava com os miudos, também se massacrava. Se nao era por serem feios, era por serem caixas-de-oculos, por usarem aparelho, por vestirem roupas usadas, por serem gordos... Aqueles que eram mais bonitinhos, ou os que tinham dinheiro e ja desde miudos tinham a puta da mania que tinham este mundo e o outro, nao eram massacrados por ninguém. OK ok, de vez em quando podiam levar nas fussas, por parte dos putos dos bairros, mas isso raramente acontecia...

Hoje li uma noticia estranha... esta mesmo tudo a mudar neste mundo...

Uma menina de 15 anos matou-se por ser "bonita demais". Ao que parece, Simone era ha anos massacrada pelos colegas na escola, chegando ao ponto de levar com pedras e de lhe cuspirem quando passava na rua... Anos assim... O dia chegou em que teve de deixar de ir a escola, e os pais a ensinavam em casa, tal era a quantidade de miudos que a tratava mal por ser tao bonita... Pelos vistos a miuda viveu anos deprimida, e acabou por se matar, atirando-se de uma ponte com doze metros de altura...

Triste... é que eu saber que os putos na escola nao gostavam de caixas-de-oculos e etc, ja sabia, mas em relaçao a pessoas  bonitas nao conhecia esta aversao...

Independentemente de pessoas bonitas ou feias, a verdade é que muitas vezes nas escolas as crianças vivem pequenos traumas... lembro-me do meu primo que foi super massacrado na escola, porrada, roubavam-lhe tudo e chegaram ao ponto de o mandar roubar senao ainda lhe batiam mais... e as escolas o que fazem? Nada...

 

Digam-me la, o que acham disto tudo? Acredito que a violencia entre alunos ainda se mantenha, nao foi so no meu tempo...e se ha alguns que nao se deixam ficar (como eu, que andei sempre a batatada), ha outros miudos que nao conseguem dominar a situaçao, ou pelo menos iguala-la... que fazer para os ajudar?



publicado por Jo às 09:10 | link do post | comentar | favorito

8 comentários:
De Sou_Assim a 23 de Julho de 2009 às 10:27
Nem sei que diga... Acho que hoje, ainda mais que no antigamente, os putos levam por tudo e por nada, sabes? Comem, calam, e seguem a vida deles, da melhor maneira que uma criança pode conseguir. Têm medo, têm vergonha, sei lá. Ou se tornam duros logo na primária, ou levam porrada de tudo e todos. E nenhum miúdo gosta de ser encostado às cordas dessa forma. Falo do que conheço. Qualquer dia, são batalhas campais no recreio por motivos, tão estúpidos que até assusta. Não me admirava nada que assim fosse, e mais cedo do que pensamos...

Em relação a essa miúda de 15 anos, acho muito muito triste tal situação. Deprimente, até certo ponto. E não entendo. Os miúdos conseguem ser muito cruéis uns para os outros, e isso aflige-me. Se eu um dia for pai, nem posso imaginar o que possa acontecer, porque não estou lá para ver, mas uma coisa te garanto: se for necessário ensino-lhe uma pequena coisa "não comeces brigas, mas se te vires metido (a) numa, certifica-te que és tu que a acabas"... Prefiro ter um filho que se saiba defender que receber todos os dias da escola, um míudo com nódoas negas. É errado? talvez... Mas é a única forma dos míudos se protegerem...


Um Beijinho Grande, Kida...


De Jo a 23 de Julho de 2009 às 10:32
Pois eu concordo contigo... nao quero obviamente que um filho meu se meta em porradas, mas se alguém o atacar quero que se defenda...
é mesmo triste... ao ponto que as crianças chegam hoje em dia...As vezes penso: a culpa sera de quem? dos pais ? das escolas? da televisao?? mas nao chego a uma conclusao plausivel...

beijo grande amigo


Comentar post

Este sim, o meu blogue mais que pessoal...
mais sobre mim
posts recentes

Eu vou para outras parage...

Um ano...

Diferenças culturais...

Apanhei uma buba...

Chocante...

Nada melhor do que conver...

Apanhei uma buba...

ai...

é gozo nao é ?

Entao a modos que...

arquivos

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

mais comentados
47 comentários
45 comentários
42 comentários
41 comentários
36 comentários
36 comentários
comentários recentes
Olá, pessoalmente ficava pelo perfume da Armani......
existem diferenças! mas temos de assegurar que ele...
No plano mental é muito fácil julgar...
bem tenho andado desaparecido mas quando decido ve...
Ricardo, o link so nao é para alguns, mas é por es...
não era mais facil colocar logo aqui o link da nov...
Parabens... O teu blog eh fixe.Eu tbm ja tou cm o ...
E que muitos outros anos se repitam... para sempre...
Querida Jo,Fiquei triste, porque gosto de ir passa...
Adoro o blog
blogs SAPO
subscrever feeds