Sexta-feira, 20.11.09

Ja fez doze anos que vi pela primeirissima vez, ao vivo, os BackStreet Boys, boysband do momento, cujos posters e afins eu coleccionava com muito mas mesmo muito carinho. Foram momentos esses em que, junto com a minha amiga Elisabete, sonhava com Nick's e Brian's e tudo e tudo.

Foi com quase treze anos que pus pés a caminho para Lisboa (os meus pais ainda hoje nao sabem como consentiram!) e passei la uma semana inesquecivel com a minha amiga em casa de uma amiga dos meus pais.

Eu delirei. Fui mesmo daquelas pitas histéricas a quem a certa altura deu para derramar lagrimas (sei la bem porque...). Ainda hoje guardo uma foto do Kevin, que foi a unica que se safou. Foi lindo.

Depois disso nao fui a mais nenhum concerto. Também confesso, que apesar de ainda gostar de algumas musicas que eles vao fazendo, me passou o fanatismo.

Mas eles hoje vao actuar a uns 5 kms do local onde estou neste momento. Passaram (durante a semana toda) centenas de vezes musicas dos mesmos na radio. E confesso que por momentos me deu vontade de ir ver o concerto... para recordar o que ficou para tras. Mas, a verdade, é que isso esta tudo bem guardado e esses momentos ficarao comigo até ao fim. Essas loucuras de adolescente, as amigas, os posters, as aventuras até Lisboa...

 

Em compensaçao, amanha vou a Lotto Arena ver Franz Ferdinand... Bilhetes comprados ja desde Julho! Ufa. Quase me ia esquecendo da data!



publicado por Jo às 12:47 | link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito

Quinta-feira, 12.11.09

Ontem, nao sei bem como nem porque, lembrei-me de um amigo de infancia. Chamava-se Pedro Dias. Na verdade, apesar de andarmos juntos na escola desde a primeira classe, so quando passamos para o quinto ano é que nos começamos a dar bem. Porque ? Porque eramos os unicos que viviam longe da escola e tinham que apanhar o autocarro.

Lembro-me que muitas vezes a mae dele nos ia bucar a escola, no seu Fiat Punto azul. Depois iamos para casa dele brincar. A mae dele tinha uma loja por baixo do apartamento onde viviam. Nao me lembro bem que tipo de loja era, mas seria talvez uma papelaria, porque a imagem que tenho faz-me pensar que o seria.
Passavamos horas e horas a brincar, porque o Pedro era filho unico e tinha tudo do melhor. Depois lanchavamos e eu ia para casa.
Ainda houve quem dissesse que nos eramos namoradinhos. Nao eramos. Eramos amigos. Eu tinha a minha paixoneta dos dez, onze anos, por um menino que andava na nossa turma. Ele nao tinha paixonetas, porque so queria saber de brincar e jogar o pacman (my god…na altura era tao giro, hoje ninguém conhece este jogo…)
Na verdade, depois mudei de escola, e nunca mais vi o Pedro, que era tao bonitinho que parecia uma menina, e quando o voltei a ver, teria eu os meus dezanove anos, simplesmente sorrimos. Quase esquecidos das brincadeiras, quase esquecidos da amizade, mas seguros de que um dia fizemos parte do dia-a-dia um do outro.
Ele continuava bonitinho, com voz fina, sempre parecido a uma menina, de labios e olhos perfeitos, nariz fino, pele muito morena e cabelo liso, muito comprido.
 
E depois disso, voltei a nao ve-lo mais.
 
E ontem do nada lembrei-me dele, e vasculhei a minha mente em busca de memorias… e afinal ele ainda la estava. O Pedro, filho unico, que tinha muitos brinquedos, era bonito, foi meu amiguinho e nao gostava de ter namoradas.

Ontem voltei a ve-lo… na minha mente. E dei por mim a desejar-lhe toda a felicidade do mundo.



publicado por Jo às 09:41 | link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito

Quarta-feira, 17.06.09

Quando o sol entrou esta manha pela janela do meu quarto, fiquei uns minutos a pensar "Ok, é agora que me levanto!". Estes dias sao raros por aqui... Dias razoavelmente quentes e solarengos...

E é por isso que quando o sol da o ar da sua graça, muitas vezes me recordo dos meus tempos de miuda... as férias de verao pareciam durar uma eternidade. Eu andava descalça no patio, cujo pavimento me esquentava os pés. Com a mangueira molhava-mo-nos todas, para depois secarmos ao sol. Ir a mercearia era uma tortura porque o calor era extremo e a vontade de andar dez minutos a pé era nenhuma... As quatro e meia da tarde o cheiro a café torrado, que tornava o ar mais saturado. Mas era tao bom aquele cheirinho... Sabiamos que estava na hora do lanche...

As idas a praia, ou a beira-rio, as férias em Lisboa ou no Alentejo... ou os dias passados naquela vilazinha nos arredores do Porto, que sera sempre o meu lar.

Saudades... de tempos que nao voltam. Saudades dos cabelos desgrenhados, da despreocupaçao, da inocencia. Saudades do calor... de ver o calor sair da estrada... e do cheiro a terra molhada, quando por fim chovia... mas ha cheiro mais agradavel que esse? Nao... Aquele cheiro a terra virgem acabada de ser regada...

é por isto que adoro quando aqui faz sol...Nao é para ir até a praia, porque a praia fica a cem quilometros de distancia... nao é para sentar na esplanada, apesar de também me agradar a ideia... nao é para vestir a roupa de verao, porque chego sempre a triste conclusao que engordei de um ano para o outro... é principalmente porque me traz um bocadinho dos meus tempos na Rua da Ramada Alta em Silveirinhos, apesar de ter saido de la com os meus nove anos... é principalmente, porque apesar de todos os problemas que os meus pais poderiam ter na altura, eu era uma criança, e foi nessa altura que vivi o que com mais carinho guardo na minha memoria...

Esta sol hoje...e por momentos nao estive aqui... por momentos nao estive em Antuérpia...



publicado por Jo às 08:51 | link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito

Sexta-feira, 29.05.09

Estas radios belgas passam muitas vezes musicas antiguinhas dos BackStreet Boys... sim, sei que nao sao assim tao antigos, mas se pensar que ja foi ha 13 anos que parti rumo a Lisboa, para assistir ao primeiro concerto destes meninos em Portugal, convenhamos que ja passou algum tempinho...

 

Foi mais ou menos nessa altura que formamos um grupo de dança. Duas raparigas e tres rapazes, que eram simplesmente os mais giros da escola. Na altura foi um sucesso, porque até a dança das cadeiras que os BackStreet Boys dançaram no MTV Music Awards nos dançamos,  com cadeiras também, no campo principal da escola, na festa de final de ano lectivo, numa noite apinhada de gente e de aplausos...

 

Quando oiço estas musicas, que volta e meia passam na radio, lembro-me disso tudo... Vem a memoria os primeiros olhares mais atrevidos, os primeiros amores, o primeiro beijo, o primeiro "amor". Vem a memoria os tempos de escola, o tempo em que achavamos que a coca-cola, que bebiamos quando iamos comer pizza na hora de almoço, nos embebedava... O tempo em que andar a chuva era super porreiro. Tempo em que se recebiam cartas de amor, se escreviam cartas de amor, se chorava e se ria, e se amava e odiava ser adolescente... O tempo das festinhas "discotecas" na escola ao domingo a tarde, tempo de campanha da  associaçao de estudantes... o tempo de chegar sempre atrasada e saberem: "A Joana chega sempre atrasada a primeira aula..."

 

Incrivel como uma simples musica nos relembra tanto e tanta gente... e da uma saudadezinha... bate levemente, porque afinal ficou tudo para tras... mas a saudade é saudavel... nao doi, nao moi... alegra e recorda-me que um dia vivi sem me preocupar com aquilo que agora chamo futuro...



publicado por Jo às 10:43 | link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 10.04.09

Estamos novamente na Pascoa...

Nao que eu ligue muito a Pascoa... parece que com o passar dos anos fui perdendo a vontade de festejar dias impostos pela sociedade... dias esses, que no entanto, servem para unir as  familias em almoços e jantares... triste que para tal sejam precisos estes dias especiais, mas ca para nos: ainda bem que existem...

Mas digo e repito, estes dias ja nao me dizem nada, mas trazem-me memorias de tempos que ja la vao... e construo agora memorias para um futuro nao muito longinquo...

 

Quando eramos miudos, todos os primos, todos pequenos, adoravamos a visita do "compasso"... e nem nos importavamos de beijar o "senhor Jesus" porque... o senhor padre trazia amendoas de chocolate...que na altura, ha mais de quinze anos atras, eram carissimas.

Era uma altura de festa. O almoço era em casa do meu avo. Uma casa velhinha, mas onde fizemos as mais diversas travessuras, onde crescemos, onde construimos memorias que me acompanharao até ao fim... Os netos, uns dez (dos mais novos, porque mais velhos eram ainda mais), sentavam-se no chao da lojinha (era assim que chamavamos aquela sala), uma toalha ou um lençol a tapar o chao e todos a comer ali... os adultos comiam a mesa.

Eram dias de festa, dias de brincadeira, dias de roupa nova... Porque naquele tempo tudo era mais dificil, tudo era "se der", "se sobrar dinheiro", "se nao for caro". Hoje em dia, é tudo mais superficial, o luxo passou a necessidade. As pessoas nao se coibem de afundar em dividas para poderem "mostrar". Hoje em dia é tudo tao diferente... melhor? pior? nao sei... diferente...

 

Boa Pascoa :) divirtam-se e aproveitem estes dias em casa!!!



publicado por Jo às 09:02 | link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito

Quinta-feira, 02.04.09

...com a boca cheia de cenouras, no programa 'Late Night With Jimmy Fallon'. Garante a actriz que a proesa da filha de conseguir meter 42 cenourinhas na boca é hereditaria...
Ja disse alguma vez que quando era miuda (6 anos) comia muitas cenouras na esperança de ficar com os olhos verdes? Pois... é que a minha avo dizia que ficaria com os olhos bonitos se comesse muita cenourinha, e para mim (na altura) olhos bonitos eram os verdes... PUTOS!

 



publicado por Jo às 09:25 | link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito

Segunda-feira, 16.03.09

(...)

Começou a correr um vento suave, que sabia bem, com o brasão que se fazia sentir. Já sentia a areia a esfriar, até que a senti mesmo molhada. Aproximei-me da água e molhei os pés. A água estava boa. Fiquei ali parada a olhar para o horizonte. Era lindo! Lembrei-me da última vez que ali estive e sorri. A vida pode dar muitas voltas, mas as nossas memórias são algo só nosso, que ninguém nos pode tirar. Podem tirar-nos um amor, podem tirar-nos uma posição, podem impedir-nos de alcançar algo na vida, mas tirar-nos as recordações ninguém pode. É algo que está dentro de nós, do nosso coração, e que conosco fica enquanto o quisermos. Sentei-me. Queria inspirar aquele cheirinho a mar. (...)


publicado por Jo às 09:39 | link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Segunda-feira, 09.03.09

Pois é! A Barbie faz hoje 50 anos... e eu nao podia deixar de assinalar este dia... porque eu adorava a Barbie quando era pequena e adorava poder colecciona-las agora...

Eu ja sei que o que esta na moda é dizer que quando eramos pequeninas nao gostavamos de Barbies e mai' nao sei o que... Pois... mas eu adorava... sim era daquelas meninas que coleccionava Barbies, sapatinhos, roupinhas, mobilia da casa...

No Natal, ja se sabia, uma prenda obrigatoria era uma Barbie...

Ainda me lembro bem da minha primeira Barbie... eu teria uns 3 anos, e o meu pai trouxe-ma de França... Um vestido de noite cor-de-rosa, com um corpete de veludo... uma sombrinha também cor-de-rosa, em tecido, que a noite, no escuro era florescente... Muitos vestidos e sapatinhos. E foi ai que nasceu o meu amor pelas Barbies...

Depois tive muitas... mas mesmo muitas... e a minha favorita nem era a que falava, ou as dos vestidos de noite maravilhosos... a minha preferida era uma que tinha um vestidinho azul, curtinho, mas de manga comprida... Era linda!

 

Portanto, a ti Barbie, que me acompanhaste no meu crescimento, que me fizeste companhia nos momentos de mais solidao, e que nao, nao deturpaste a minha personalidade, a ti, Muitos Parabéns!

 

Na Australia, o bolo de comemoraçao dos 50 anos da boneca, uma Barbie com 2.1m de altura, e 1.2 ton de peso, coberta com ouro e 2000 cristais Swarowski.

 



publicado por Jo às 09:52 | link do post | comentar | ver comentários (21) | favorito

Segunda-feira, 02.03.09

é como ja me disseram:

"- voces tem o Rui Veloso, e nos temos o Toy. Foda-se!"

 Pois é... e eu adoro...e esta musica leva-me de volta a casa... o meu Porto...

 

 



publicado por Jo às 19:58 | link do post | comentar | ver comentários (15) | favorito

Quarta-feira, 25.02.09

Enquanto lia um artigo sobre a preocupaçao das "vintonas" com as suas rugas (que raramente existem), lembrei-me de um episodio que se passou ha ja uns anos.

Tinha eu 18 anos e trabalhava na Fujifilm. A minha colega de trabalho era mais velha que eu um ano e ambas começamos a cismar que estavamos a ganhar rugas (caramba! la para ganhar que fosse alguma coisa de jeito!). Entao começamos a procurar o melhor creme anti-rugas e ficavamos furiosas por ser tudo para mulheres mais velhas...

Aqui a esperta, nao descansou (como nao descansa quando se lhe mete algo na cabeça!) e arranjou o contacto de uma senhora especialista nessas coisas e toca a ir perguntar qual  o melhor creme anti-rugas para a nossa pele. Levamos uma corrida!

"Querem um creme? Nivea! Das latas azuis! Rugas? Deus me livre!"

 

Quando somos miudas temos cada paranoia...

 

Hummm... mas hoje de manha reparei que ja nao tenho so 4 ou 5 fios de cabelo da cor da neve!!!

 

Os anos passam...

 



publicado por Jo às 12:15 | link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito

Este sim, o meu blogue mais que pessoal...
mais sobre mim
posts recentes

Ha doze anos.

Quando a nossa memoria no...

Sao dias assim...

Memories...

Assim de repente...

Glenn Close, qual coelha....

Curtas #04#

Calha a todos...

Temos pena!

Idade... tens cada uma......

arquivos

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

mais comentados
21 comentários
20 comentários
15 comentários
13 comentários
10 comentários
6 comentários
5 comentários
comentários recentes
Olá, pessoalmente ficava pelo perfume da Armani......
existem diferenças! mas temos de assegurar que ele...
No plano mental é muito fácil julgar...
bem tenho andado desaparecido mas quando decido ve...
Ricardo, o link so nao é para alguns, mas é por es...
não era mais facil colocar logo aqui o link da nov...
Parabens... O teu blog eh fixe.Eu tbm ja tou cm o ...
E que muitos outros anos se repitam... para sempre...
Querida Jo,Fiquei triste, porque gosto de ir passa...
Adoro o blog
Page copy protected against web site content infringement by Copyscape
Vamos votar nos Xutos e Pontapés para Melhor Artista Europeu da MTV
blogs SAPO
subscrever feeds