Quarta-feira, 30 de Setembro de 2009

Fui comprar umas ampolas. é que a menina aqui anda cansadinha da vida, e tem muito soninho. Anda sem pachorra para estudar, ou para fazer o que quer que seja. Como tal vai de ir a farmacia comprar algo que (talvez) me acorde. Trago comigo uma caixa de 20 ampolas... que supostamente me dariam para dez dias (ter destas crises de cansaço custa dinheiro, porra...).

Chego aqui ao office e tumbas, tiro uma ampolazinha para ver se começa ja a funcionar, mas nao sei como, quando me viro para guardar a caixa, aquela porcaria rola pela mesa e estilhaça-se no chao... Boa, Joana... menos uma... és burra todos os dias!

 

* Sou tao fixe! Poupo-vos o trabalho de me chamarem coisas feias :P chamo a mim mesma... :) (esqueçam, cansaço a falar)



publicado por Jo às 13:12 | link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito

No fim-de-semana passado vi finalmente o filme "Slumdog Millionaire" (sou sempre um atraso de vida, e raramente sigo a tendencia de toda a gente de ver porque toda a gente ve). Adorei o filme, mas confesso que no inicio, as imagens da pobreza na India, o pais de Bollywood, as lagrimas quase rebentaram pelo rosto abaixo... Nessas alturas, quando confrontados com semelhantes vidas, mesmo que numa tela, pensamos em quao egoistas por vezes somos, quando temos tanto, tao mais que muitos...

Hoje, enquanto lia o jornal, dei comigo mais uma vez a culpar-me por ser por vezes cega aos problemas que existem, e que quando comparados aos meus, os transformam em agulhinhas misturados em fardos de palha...

Seguem-se fotos, que a mim chocaram, me fizeram sentir um arrepio na espinha, e querer ir a correr muito, e traze-los todos para ca... mas nao da nao é? ...

Sao imagens do povo filipino, na cidade de Manila, que foi recentemente atingida pelo tufão Ketsana, deixando milhares de pessoas desalojadas, e 240 pessoas sem vida, até agora...

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

E no meio de tanta desgraça ainda ha motivo para sorrir... Nao pelas coisas que se perderam, mas pelo que a Mae Natureza ainda nao levou, as suas vidas...

 

 

 



publicado por Jo às 09:38 | link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito

Terça-feira, 29 de Setembro de 2009

Mas porque é que nao ha um idioma mundial? Ter que estar a ler holandes, estudar construçoes e tretas em holandes, epa, nao é facil... Um dia inteiro para meia duzia de paginas, porque de dez em dez minutos farto-me disto tudo!



publicado por Jo às 12:42 | link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito

Nao somos chatas, nao somos faladoras, nao somos aborrecidas! Simplesmente expomos a nossa opiniao (que esta sempre correcta :) ) desde pequeninas !

 

*de por onde der!



publicado por Jo às 10:46 | link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito

Quarta-feira, 23 de Setembro de 2009

Olhem bem  e digam-me la se sou assim tao escura!

Ontem, uma belga:

Ela: De que nacionalidade eles sao? (olhando para a mae e irmao do meu corazon)

Eu: Portugueses.

Silencio.

Ela: Tu também és portuguesa?

Eu: Sim, sou!

Ela: Tao escura????

Ri-me.

Ela: Eu nao diria que és portuguesa!

 

Quando nos apresenta as outras duas pessoas:

Ela: Ola! Ola! Eles sao portugueses! Eu pensei marroquinos, mas nao, portugueses! Que bom! Marroquinos nao valem nada, mas portugueses adoro! Conheço alguns! Aprendi espanhol ha uns anos! (bla bla bla...)

 

E pronto... Eu so me sinto morena aqui... Em Portugal sou normal. Conclusao: acho que a dita senhora nunca pos os pés em Portugal...



publicado por Jo às 12:16 | link do post | comentar | ver comentários (30) | favorito

Para mim pode ser este...

Cor e tudo.

 


tags: , ,

publicado por Jo às 10:12 | link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito

Ontem:

 

Ele: Ha coisas que a partida dizemos que nao seremos capazes de fazer... e que so muito dificilmente o fariamos, so se mudassemos muito... como por exemplo ser capaz de matar alguém!

 

Eu: Mas eu nunca disse que nao seria capaz. Eu seria capaz de matar sim.

 

Silencio...

 

é obvio que quando falo nisso, é em relaçao a proteger a mim e aos meus. Entenda-se. Se tivesse que matar para defender uma das minhas irmas ou os meus pais, matava. Desculpem la.



publicado por Jo às 10:04 | link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito

Quando eu era miuda adorava o desenho animado “A polegarzinha”, um classico que me prendia a televisao… A parte que eu temia sempre e me deixava sempre nervosa era a parte em que os sapos apareciam e raptavam a Polegarzinha…

Ao longo da vida fui-me apercebendo que estes sapos maldosos nos aparecem também no mundo real, por vezes disfarçados, outras mesmo viscosos…
Ao longo da vida percebi que pessoas falsas, caloteiras, más ingratas existem em todo o lado… Mas também me apercebi que nao é por existirem pessoas más que devemos desistir do ser-humano.
As pessoas boas, que nao fazem mal, que fazem o que podem pelo seu vizinho, podem passar por maus bocados, mas acabam por ser felizes… as pessoas que passam a sua vida a tentar destruir as dos outros acabam por ser castigadas mesmo em vida, porque nunca chegam a saber o que é ser feliz sem magoar alguém…
Entao é por estas e outras que a nossa vida é tal e qual um conto infantil, sem o « felizes para sempre » mas com o « fim ». Porque ao longo da nossa vida temos que colocar « fins » em muita coisa, e as vezes custa, mas outras nao custa nada, pelo contrario, é um grande alivio…
 

PS- Ontem fui ve-la… é linda… quero-a muito !



publicado por Jo às 09:58 | link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 22 de Setembro de 2009

Aproximou-se de mim com um mapa a perguntar onde era a Italielei. Expliquei-lhe que era longe, o melhor seria apanhar um tram.

- Number?

- I don't know, sorry. (nao ando de tram...)

Pensei que me ia desamparar a loja. Perguntou-me se eu vivia aqui, ao que respondi apenas com um "sim". De seguida pergunta-me se gosto de aqui estar, se estudo (deve ser dos allstar e jeans), se trabalho. Respondo que sim, gosto e que trabalho. Tudo isto enquanto eu caminho em frente com rapidez, e ele me tenta acompanhar.

Silencio.

Nisto volta-se para mim e diz:

- I would like to find someone to have a relationship! (eu fico a olhar para ele como quem pensa: mas estou com cara de quem também anda a procura?) Are you in a relationship?

- Yes, i am. - mostro-lhe a mao.

- You're married?

Sem perder mais tempo, respondo:

- Yes!

E foi ve-lo ir a vidinha dele.

Ufa, tenho mesmo que me deixar destas pausas para fumar...



publicado por Jo às 12:02 | link do post | comentar | ver comentários (13) | favorito

Todas as manhas, a caminho do escritorio, penso:

- Hoje nao saio de proposito a hora de almoço para fumar um cigarro...

 

Todos os dias, a hora de almoço nao resisto e saio para dar uns bafos...

Sou um desastre!



publicado por Jo às 11:07 | link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito

Este sim, o meu blogue mais que pessoal...
mais sobre mim
posts recentes

Eu vou para outras parage...

Um ano...

Diferenças culturais...

Apanhei uma buba...

Chocante...

Nada melhor do que conver...

Apanhei uma buba...

ai...

é gozo nao é ?

Entao a modos que...

arquivos

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

mais comentados
47 comentários
45 comentários
42 comentários
41 comentários
36 comentários
36 comentários
comentários recentes
Olá, pessoalmente ficava pelo perfume da Armani......
existem diferenças! mas temos de assegurar que ele...
No plano mental é muito fácil julgar...
bem tenho andado desaparecido mas quando decido ve...
Ricardo, o link so nao é para alguns, mas é por es...
não era mais facil colocar logo aqui o link da nov...
Parabens... O teu blog eh fixe.Eu tbm ja tou cm o ...
E que muitos outros anos se repitam... para sempre...
Querida Jo,Fiquei triste, porque gosto de ir passa...
Adoro o blog
Page copy protected against web site content infringement by Copyscape
Vamos votar nos Xutos e Pontapés para Melhor Artista Europeu da MTV
blogs SAPO
subscrever feeds